Copaíba apoia a restauração florestal nas margens do rio das Antas, em Bueno Brandão/MG

Novas áreas estão sendo restauradas através do Verde Novo. Dessa vez, a restauração florestal está acontecendo nas margens do Rio das Antas, em Bueno Brandão/MG, no bairro da Malacacheta. Estão sendo plantadas 1.600 mudas de árvores nativas da Mata Atlântica em uma área de 9.000 m2.

O Rio das Antas é um importante afluente do Rio do Peixe. Ele nasce no Estado de Minas Gerais, em Bueno Brandão, passa por Monte Sião e desagua no município de Socorro, já no Estado de São Paulo. Suas corredeiras fazem dele um destaque a mais, já que o rio é bastante conhecido na região.

A iniciativa de recuperar essa área é do Hotel Fazenda Terra dos Sonhos, que procurou o apoio da Copaíba para que as Áreas de Preservação Permanente da propriedade sejam cobertas por vegetação nativa, contribuindo para a adequação ambiental do hotel. Além disso, a mata ciliar que se formará no local protegerá a água e o solo, evitando erosões e assoreamentos no leito do rio. Também será um importante refúgio para a vida silvestre, uma vez que os animais utilizam as matas ciliares para deslocamento de um fragmento florestal para outro, servindo de corredor ecológico.

José Fernandes Franco, empresário e dono do hotel, tem intensão de recuperar toda a margem do rio. Segundo a Coordenadora de Restauração Florestal da Copaíba, Ana Paula Balderi, alguns trechos da margem já possuem vegetação nativa e a proposta é recompor o que está faltando. “Em breve, a mata ciliar estará formada, fazendo sua função ecológica de, inclusive, proteger as margens desse rio”, comenta a coordenadora.

 

O Verde Novo

O Verde Novo é um projeto executado pela Copaíba, com o patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental. Seu objetivo é contribuir para restauração florestal das bacias dos rios do Peixe e Camanducaia. Isso é feito por meio do apoio aos proprietários de terra, doando as mudas nativas, os insumos e toda a assistência técnica necessária para a recuperação da área.

Os proprietários de terra da região interessados em recuperar as matas de suas propriedades podem entrar em contato com a Copaíba, para receber o apoio. O cadastramento é feito na sede da instituição.

Saiba como participar: clique aqui

Compartilhar

Comentários